«ПЕРВЫЙ СРЕДИ РАВНЫХ...»
Нормативные документы
Противодействие коррупции
Поступающим
Студентам
Выпускникам
Проект 5-100
Аккредитация специалистов
Dengue Está Se Alastrando Novamente pelo Brasil 19.01.2011

Dengue Está Se Alastrando Novamente pelo Brasil

A metade dos Estados do Brasil está à beira da epidemia de dengue. Tal é a estimativa do Ministério da saúde do maior país da América Latina. A propagação desta doença perigosa é condicionada pela temporada de chuvas, durante a qual se multiplicam ativamente os principais portadores de dengue – os mosquitos Aedes Aegypri. Soube-se, todavia, que este fator não é o único que influencia a proliferação da doença – é esta a opinião dos médicos russos, em primeiro lugar, os virologistas. O nosso correspondente teve encontro com um deles, o professor da Primeira Universidade de Medicina Aleksandr Erovichenko.

A Rússia é um país de clima nada tropical. Mas mesmo aqui pode-se apanhar um vírus de dengue, pois uma pessoa pode ir parar facilmente nos trópicos e apanhar lá uma doença. É esta a opinião do professor Erovichenkov.

Se existem portadores desta doença e ela desenvolver-se, esta pessoa pode tornar-se facilmente causa da propagação da febre. Atualmente na Rússia falta o dinheiro. Mas os epidemiologistas advertem que em algumas regiões da sul da Rússia existem situações que requerem uma grande atenção e controle a fim de prevenir o surto da doença.

No Brasil e em alguns outros países da América Latina surgem frequentemente focos, assolados pela febre dengue. De acordo com o professor Aleksandr Erovichenko, a febre dengue atinge anualmente cerca de 50 milhões de pessoas. Por que esta doença é temida tanto? Acontece que a pessoa que já sofreu uma vez esta febre, não está a salvo da sua reincidência, como acontece, por exemplo, no caso de sarampo. O vírus da febre dengue é um só, mas tem diversas estruturas genéticas, - explicou o professor Erovichenkov.

Quando se desenvolve a febre hemorrágica de dengue, - o que pode acontecer se a assistência médica não vem a tempo, - o índice de desfechos letais pode ser muito alto.

Por que até agora não existem remédios ou vacinas para tratar a febre dengue?

De um modo geral, um remédio existe, é o ribovirin, mas ele nem sempre resulta eficiente. O problema consiste em criar uma vacina específica. O que é uma vacina? É uma parte debilitada de um vírus Mas acontece que no caso de febre dengue, a introdução da vacina apenas complica o desenrolar da doença. Por enquanto, é impossível determinar o tipo de febre, com que o paciente foi contagiado. Por isso é difícil criar uma vacina eficiente.

Existem algumas ligações entre os médicos russos e brasileiros? Existe a troca de idéias e de consultas a respeito de tratamento da febre dengue?

Os princípios e padrões de tratamento de dengue existem de há muito e foram dominados por médicos. O mais importante é descobrir a tempo o foco de contaminação e de proliferação da febre, fazer a tempo a terapia urgente de desintoxicação ao paciente e completar permanentemente o volume do sangue em circulação utilizando soluções necessárias. Além disso, é preciso utilizar preparados que impedem a hemorragia. Faço lembrar que uma pessoa que sofre de dengue perde muito sangue.

O professor Erovichenkov apontou que o êxito na luta contra a febre dengue depende da envergadura de medidas profiláticas. Estas medidas são bastante caras. O governo do Brasil pretende investir na profilaxia da febre dengue até 700 milhões de dólares. Este dinheiro será gasto para a aquisição de medicamentos e do equipamento diagnóstico e para a promoção da campanha de elucidação entre a população. As pessoas devem saber que o principal portador da doença são mosquitos que se proliferam na água estagnada.

As pessoas que vão agora ao Brasil ou a qualquer região tropical devem cuidar de adquirir meios, destinados a repelir este insetos. E quem pretende fazer um passeio numa floresta ou num parque deve pôr roupa que cubra na íntegra o corpo.


Исходная статья: Радио "Голос России"